Pages

Subscribe:

18 de fevereiro de 2009

surfar o caos - Timothy Leary

"É por isso que eu pergunto sempre: você sabe quem controla suas retinas? Sabe por que há tantas luzes e cores neste quarto? Cyber, em grego, quer dizer luz e também timoneiro. Os papas da cibernética e da televisão controlam nossas mentes. Quem comanda a luz nos controla".

"Cada religião, cada partido político, cada sistema de produção, cada casta tem de produzir memes, que são como os nossos genes. Você pega uma determinada cor, um perfume, um símbolo, palavras de ordem, de incentivo, de produção, distribui os complexos de culpa. Adota cores, perfumes típicos, bombardeia todo esse conjunto de práticas na cabeça das pessoas horas e horas por dia. As pessoas deixam de ser indivíduos (é preciso ter muita coragem para ser um indivíduo hoje em dia) e passam a obedecer esses memes. Vivem em função deles e depois pagam um psicanalista para tentar suportar a ação dos memes. Temos de estar em vigilância constante, para pelo menos tentarmos saber quem controla a luz de nossas retinas. O discurso farsesco conquista mais pessoas pela telinha da TV. O discurso banhado de luz nos mesmeriza".




ótima matéria sobre timothy aqui


2 comentario in-útil:

Thiago disse...

diz a charada zen: qual o mestre faz a grama ficar verde? este post sobre o Timothy Leary só vem nos lembrar que tudo aquilo que vivenciamos é construido por nossas mentes. pena que a grande maioria das pessoas não passam de robôs programados para acreditar que possuem um certo controle sobre suas vidas, quando na verdade seguem o rebanho sem ao menos se questionarem sobre o universo que as envolve. a humanidade ainda caminha sobre o pensamento recorrente de opostos: certo e errado, normal e patológico, só para citar algumas dicotomias que somente alienam e promovem o isolamento social. é preciso nos libertarmos de toda e qualquer escravidão mental. já disseran uma vez: além do sim e do não, o universo contém o talvez! grande timothy, e parabéns ao doce inutensílio.

Elton disse...

Impressionante a quantidade de tentativas de desfocar nossa mente.
Desde o dia em que nascemos somo influenciados a cada pedido de "papá"(comida), depois a andar(pô todo mundo anda? só eu que não), tv. Tudo, todos os dias.
È preciso de muita habilidade e querer para não ir junto á todos, sem questiona-los.
Um salve aos "loucos", que na grande maioria conseguem abrir suas mentes a tal ponto de não seguir a manada.

Cara muito louco qdo penso no termo "comunicação de alma para alma".